Notícias Fecomercio

22 de fevereiro de 2018

Inflação de janeiro subiu menos para os mais pobres, diz Ipea


Taxa ficou menor para famílias de baixa renda em 0,23% nos preços de bens e serviços

A taxa de inflação ficou menor para a parcela mais pobre da população no mês de janeiro, atingindo 0,23% nos preços de bens e serviços, enquanto a inflação foi maior para os mais ricos e atingiu 0,36%. É o que aponta o Indicador de Inflação por Faixa de Renda, divulgado nesta quarta-feira (21) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

De acordo com o Ipea, a tendência de inflação mais baixa para os mais pobres é influenciada pelos preços dos alimentos. No entanto, nos meses de dezembro de 2017 e janeiro de 2018, outros preços que possuem peso grande no consumo dos mais pobres tiveram queda, como os preços da energia elétrica que caíram em dezembro e janeiro com a retirada da bandeira tarifária.

Na comparação com os últimos 12 meses, a inflação das famílias de renda muito baixa teve queda maior, de 6% em 2016 para 2,1%. Já a inflação para famílias com renda maior diminuiu de 5,5% para 3,7%. Segundo o Ipea, a tendência é de que o movimento de inflação menor para os mais pobres continue em 2018.

Voltar para Notícias