Notícias Fecomercio

29 de junho de 2018

Crise econômica atrasou crescimento do Brasil em 3 anos


Segundo índice da Firjan, desenvolvimento dos municípios em 2016 retrocedeu a patamar inferior a 2013

A crise econômica que atingiu o Brasil a partir de 2014 fez com que o desenvolvimento dos municípios brasileiros retrocedesse três anos.

De acordo com o Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal (IFDM), divulgado nesta quinta-feira (28) pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), o IFDM geral do País em 2016 ficou em 0,6678, abaixo do alcançado em 2013, que foi de 0,6715.

O resultado da avaliação de 5.471 municípios interrompeu uma série de duas quedas seguidas do índice, ficando 2,6% do registrado em 2015 (de 0,6509). No entanto, segundo a Firjan, esse crescimento não foi suficiente para reverter a perda acumulada de 3,1% nos três anos anteriores.

Voltar para Notícias