Home

  • Banner
  • Banner
  • Banner
  • Banner
  • Banner

Confiança do consumidor fica estável em novembro


Amplie a foto

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC), medido pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), permaneceu estável em  novembro, com leve aumento de 0,1%. Composto por dois indicadores – Índice de Condições Econômicas Atuais (ICEA) e Índice de Expectativa ao Consumidor (IEC) –, neste mês, a pesquisa registrou 116 pontos ante os 115,8 pontos de outubro. No comparativo anual, o indicador descreveu queda de 16%.

Os dois quesitos que compõem o indicador apuraram resultados distintos. De acordo com o IEC, os consumidores paulistanos esperam melhora na situação futura da economia, como demonstra o avanço de 121,6 pontos em outubro para 124,4 pontos em novembro: alta de 2,3%. Por outro lado, a percepção dos consumidores em relação ao momento atual, medida pelo ICEA, caiu 3,4% e chegou aos 103,4 pontos – o menor patamar desde outubro de 2005, quando alcançou 99,5 pontos.

Esse resultado negativo se deu principalmente pela queda de confiança atual da parcela de consumidores com renda mais alta (superior a dez salários mínimos), o público feminino e os consumidores com menos de 35 anos de idade. A análise do ICEA, na avaliação que abrange renda salarial, gênero e faixa etária, registrou um recuo de 14,7% em relação ao outubro, chegando à área do pessimismo, aos 96,8 pontos. No mês anterior, o apontado foi de 113,5 pontos. Já a confiança dos consumidores com até dez salários, na mesma base de comparação, subiu 2,3%, ao passar de 104,1 pontos em outubro para 106,5 pontos em novembro.

Para a assessoria econômica da FecomercioSP, o resultado da pesquisa revela um consumidor cada vez menos otimista com a situação socioeconômica atual do País. O orçamento das famílias permanece apertado pela perda do poder de compra e pelo aumento dos preços repassados ao consumidor. No entanto, com a proximidade do fim do ano e a perspectiva de uso do 13º salário, há uma tendência de aumento no índice de confiança.

Índice de Confiança do Consumidor (ICC), medido pela FecomercioSP, permanece estável em novembro, com leve aumento de 0,1%. (Arte/Tutu)


<< Voltar

    (14) 3622-5883 / 3624-5037
    Rua Rolando Damico, 381 - Vila Assis - Jaú - SP

    Imagem