Home

  • Banner
  • Banner
  • Banner
  • Banner
  • Banner

Compras pela Web exigem alguns cuidados


Amplie a foto

É crescente o número de pessoas que utilizam a internet para comprar bens e serviços. De acordo com a sexta edição da pesquisa Comportamento dos Usuários na Internet, realizada este ano pela FecomércioSP, 58,6% dos internautas costumam realizar compras online – resultado ligeiramente maior do que o apontado no ano passado (55,9%). Praticidade, preço e variedade estão entre os principais atrativos das compras pela web.

A pesquisa também apontou que 41,4% dos internautas não aderem ao comércio eletrônico por receio de fraudes, necessidade de ver o produto pessoalmente, falta de segurança no site e medo de não receber o produto. Em comparação com o ano passado, o porcentual de pessoas que informaram já ter vítima de algum tipo de crime digital, ou conhecer alguém que tenha passado por algo parecido, manteve-se praticamente estável, em 18%.

Entre os que sofreram algum tipo de crime digital, prevalecem os casos de clonagem de cartão de crédito/débito, compras realizadas indevidamente nos cartões de crédito, desvio de dinheiro da conta-corrente, não recebimento do produto comprado, clonagem de páginas de relacionamento e cyberbullying.

Apesar de todo o investimento das empresas em ferramentas tecnológicas a fim de evitar fraudes, os hackers estão cada vez mais criativos e audaciosos. Diante dessa realidade e não esgotando o tema, a assessoria técnica da FecomércioSP elenca algumas dicas que não devem ser deixadas de lado nas operações realizadas pela internet., tais como:

- Manter atualizados o sistema operacional e demais programas dos dispositivos pessoais (desktop, notebook, tablets);

- Manter o antivírus sempre atualizado;

- Realizar compras em sites de empresas conhecidas;

- Atenção ao abrir e-mails com promoções duvidosas de determinada empresa, pois, muitas vezes, o link enviado pode direcionar o usuário para sites falsos. Nessa mesma linha, ressalta-se que as instituições financeiras não enviam e-mails para atualização de sistema o de informações;

- Nas operações realizadas pela internet, o ideal é sempre utilizar o próprio equipamento, evitando o uso de dispositivos de terceiros;

- Pesquisar em outros sites (Procon, Reclame Aqui, entre outros) informações sobre a empresa que pretende realizar a transação, buscando identificar se existe algum tipo de reclamação e a respectiva solução. Também é importante ter a referência de amigos e familiares sobre a empresa;

- Verificar se o site disponibiliza em sua página endereço físico, telefones e e-mails de contato;

- Antes de fechar uma compra em uma empresa virtual, verifique qual a política de troca e o prazo de entrega do produto. Lembre-se de que, em alguns Estados, as empresas devem obedecer ao que dispõe a Lei da Entrega Agendada;

- Ler o termo de uso do site até o fim. Esse termo é importante porque além de poder identificar a política de entrega e troca da empresa, o usuário terá conhecimento sobre como a empresa protege as informações sigilosas de compra (dados pessoais, dados de cartão de crédito etc.);

- É importante que o usuário guarde todos os dados da operação de compra efetuada: e-mails trocados, e-mail de confirmação da compra, número de pedido, entre outros;

- Atenção para o preço final do produto. Muitas empresas cobram o valor do frete separadamente. É importante ficar atento ao valor total no fechamento do pedido;

- Sempre exija a nota fiscal;

- Consumada a compra e caso haja arrependimento por parte do consumidor, ele estará protegido pelo art. 49 do Código de Defesa do Consumidor, que permite o cancelamento no prazo de sete dias corridos, contados a partir da data da aquisição ou do recebimento do produto.

Fonte: EconoMix - Setembro

 


<< Voltar

    (14) 3622-5883 / 3624-5037
    Rua Rolando Damico, 381 - Vila Assis - Jaú - SP

    Imagem